Menu

JUSSARI: QUASE 80% DOS ELEITORES PODEM TER TÍTULO CANCELADO, SEGUNDO TRE-BA

Prazo para cadastramento biométrico vai até 22 de fevereiro deste ano em Jussari

Cerca de 3,9 mil eleitores de Jussari, no sul da Bahia, podem ter o título eleitoral cancelado, caso não façam o cadastramento biométrico obrigatório até o dia 22 de fevereiro, segundo o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA). Segundo levantamento divulgado hoje, dos 4.879 eleitores de Jussari, município que faz parte da 28ª Zona Eleitoral de Itabuna, 3.882 ainda não procuraram o cartório para fazer a coleta dos dados biométricos.

Somente 997 se submeteram ao cadastramento biométrico, o que representa 20,43% do eleitorado. A Justiça Eleitoral reforça que a revisão biométrica é obrigatória e o cidadão que não comparecer até 22 de fevereiro deste ano terá o título cancelado, segundo o TRE-BA. O prazo é o mesmo para eleitores de dezenas de municípios, dentre eles Itabuna. O TRE não divulgou, ainda, parcial do eleitorado itabunense biometrizado.

Sem o título, o eleitor fica impossibilitado de obter passaporte, tomar posse em concurso público e renovar matrícula em instituição de ensino pública, entre outros impedimentos previstos no art. 7º do Código Eleitoral.

Para fazer o recadastramento biométrico, basta apresentar original de documento de identificação pessoal com foto e comprovante de residência atualizado. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, em um posto localizado na Avenida Itabuna, Centro, em Jussari.

QUEM DEVE FAZER A BIOMETRIA

Estão obrigados a fazer o recadastramento biométrico todos os eleitores domiciliados no município, inclusive aqueles cujo voto é facultativo (analfabetos, eleitores com idade entre 16 e 18 anos e os maiores de 70 anos de idade), mas que queiram continuar a exercer o direito ao voto.

Segundo o TRE-BA, Jussari possui 4.879 eleitores

& Ndash; Avertisement & ndash;

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *